CORUJINHA

Pegue este efeito no Site Tony Gifs Javas

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

POESIA DE ERIBERTO MONTEIRO - Prova da Cola

PROVA DA COLA



Dia da prova
As mãos ficam frias.
O assunto vai embora.
Esqueço o que eu sabia.
Dá um branco total.
Começo a passar mal.
O professor olha para mim,
Entre demônios e querubins,
Eu estou assim...
Olho para o lado
Não vejo ninguém.
Olho para o outro
Não vejo também.
E agora José ?
O que fazer ?
Preciso colar
Para um dez tirar.
O professor  está olhando
E eu aqui disfarçando
Acho que ele deve está
Já desconfiando.
Começo a tremer,
Só vejo estrelas,
Cabeça balança,
Só penso besteiras.
Pego a cola
Começo a responder
O professor me olha,
Deus, o que fazer?
Ele está vindo,
Vem nessa direção.
Não posso correr,
Vou morrer do coração.
Mas graças a Deus
Que ele olha e passa
Não vou mais colar
Prefiro estudar
Para não molhar mais a calça...



ERIBERTO MONTEIRO

Um comentário:

  1. Eriberto sempre se superando com sua versatilidade. Parabéns por mais este trabalho.

    ResponderExcluir